quinta-feira, 12 de março de 2009

ÀS VEZES PRECISAMOS VISITAR OS MORTOS PRÁ ENCONTRAR A VIDA, MAS ÀS VEZES ENCONTRAMOS OS VIVOS E CONHECEMOS A MORTE... - KLÉBER

Essa frase título expressa o atual momento. Nunca li ou ouvi anteriormente, o que me permite tomá-la como criador...

Há dias em que precisamos alterar o itinerário e enfrentar caminhos sombrios.
Iluminado por uma linda lua, pude olhar prá trás e perceber várias imagens distorcidas na frente da velha loja... Imagens felizes que agora não passam de flashbacks que a memória guardará enquanto os anos não se passarem o suficiente prá roubar as lembranças.
O som dos risos, das piadas, das bolas na trave da escola. O som das vozes.
Imagens perdidas numa caixa de pandora, que quando aberta traz consigo boas e más lembranças. As de hoje serão péssimas, mas haverá sempre aquela imagem bonita e significativa.
Hoje é um dia para esquecer.
Amanhã é um dia esperado para aplacar o sofrimento e dissipar a série de medos do mundo e das pessoas que insistem em se apossar de nossas mentes.
Hoje quero que acabe logo, amanhã quero que chegue esperançoso, apesar das perdas.
Volto àquele antigo ditado para os que tem medo de "espíritos e fantasmas":

"Por que tememos tanto os mortos se nossas maiores ameaças são os vivos"?

DESCANSEM EM PAZ, DINO (DOUGLAS) E MARQUINHOS.

Um comentário:

Xande disse...

Embora não sabendo como vc se sente, é meu dever de amigo e de uma pessoa que te ama, oferecer ajuda da maneira que posso, seja com orações,seja ofertando meu ombro amigo, pensando em vc... saiba amigo e irmão, que pdoe sempre contar comigo.